domingo, 13 de novembro de 2011

Chove...







Tempo de chuva. Chove lá fora. E chove dentro de mim, ao mesmo tempo que vão chuviscando estas palavras.


Cada gota de chuva leva-me pensamentos, não sei bem para onde. Cada gota de chuva rouba-me emoções, que preferia guardar apenas para mim. Cada gota de chuva arrasta-me para situações que não gostaria de experienciar. Cada gota de chuva enerva-me a minha paz, que gostaria de manter calma. Cada gota de chuva… blá, blá, blá.

Continua a chover lá fora. E ainda chove cá dentro de mim.

1 comentário:

pimentinha37 disse...

Olh, aqui dentro da escola não chove!... Por isso aparece para te abrigares. Se quiseres fazer essa chuva interna desaparecer, põe mãos à obra e vem praticar. Resolve tudo!